5 motivos para a sua empresa fazer anúncios no LinkedIn Ads

Só no Brasil, o LinkedIn tem mais de 45 milhões de usuários. Desse número, 7 milhões são empresas. Por mês, a rede social contabiliza 159 milhões de visitantes únicos e 2 bilhões de updates por semana. Essa estatística dá indicativos de que a plataforma cada vez mais ganha presença no dia a dia das redes sociais.

Voltado para comunicação e conexão com empresas e profissionais, o LinkedIn também é um canal para busca de novidades em diversas áreas de atuação e aprendizados sobre corporações, além do acesso a publicações de influenciadores e formadores de opinião.

Pensando nisso, criamos um artigo com 5 motivos para sua empresa ou marca ganhar mais visibilidade e conversões com anúncios no LinkedIn Ads. Confira!

1. LinkedIn oferece leads mais qualificados

As informações dos usuários deixam os perfis mais qualificados para apresentação de publicidade. Além disso, com esses dados, fica mais fácil segmentar seus anúncios.

Uma dica valiosa: volte seus anúncios a uma persona. Por exemplo: você tem uma marca de refeições fitness. Crie uma mensagem que alcance donos de academias e frequentadores.

Três tipos de anúncios no LinkedIn:

  •  Sponsored Content: conteúdo promovido na timeline.

  •  Text Ads: pequenos anúncios de texto.

2. Anúncios diminuem a jornada de compra

Outra vantagem de investir em anúncios no LinkedIn é a diminuição da jornada de compra, que é quando um determinado perfil percorre por várias etapas até chegar à conclusão de compra de um produto.

Muito se fala que “anúncio no LinkedIn é caro”. Porém, vale repensar, como mencionamos no tópico anterior, que o lead é mais qualificado na plataforma, e as mensagens são mais direcionadas a conversões de fundo de funil, o estágio final do processo de venda. Ou seja, a sua estratégia não vai passar pelas etapas anteriores: topo de funil, que é a fase que desperta o interesse do visitante, e meio do funil, quando se mostra uma solução.

3. Campanhas são atrativos para negócios

Já vimos que anúncios em redes sociais não são bons apenas para reconhecimento da marca. Sabemos que é mais do que isso: eles podem gerar leads! Mas é preciso saber o momento certo da abordagem e o lugar onde eles aparecem, pois são atrativos para quem quer fazer negócios.

Algumas empresas alcançam conversões de fundo de funil – não só em quantidade, mas em qualidade dos leads gerados – com anúncios no formato “Conteúdo Patrocinado” (Sponsored Content).

Que tal fazer um teste com a sua marca?

4. LinkedIn permite fazer testes em anúncios

Muitas empresas conseguem gerar mais conversões com campanhas que apresentam vários anúncios. A ideia é testar diferentes formatos de criativos para descobrir o que vai ser mais efetivo. Depois de encontrar a versão campeã, aí é hora de aumentar o orçamento e conquistar a maioria dos leads com um custo menor.

Como fazer os testes? Aposte em textos, imagens e call to action diferentes. Seus anúncios continuarão voltados para mesma página de destino e segmentados para o mesmo o público, porém os ajustes do criativo poderão mostrar outros impactos na sua campanha.

5. Oferece recursos para acompanhamento

Assim como o Google e Facebook, o LinkedIn também oferece recursos para acompanhar e rastrear as conversões das campanhas.

O acompanhamento é importante para mensurar o número de conversões, bem como para facilitar otimizações e entrega de resultados.

O que você pode fazer com o acompanhamento de conversões?

  •  Verificar o número de leads que as suas campanhas estão gerando;
  •  Entender o ROI (retorno sobre investimento) dos anúncios;
  •  Otimizar conteúdo, segmentação e ofertas.

A sua empresa usa o LinkedIn Ads? Conte para a gente as suas experiências!

Imagem: Reprodução/2 CK Marketing Digital